18/07/2017

Operação Cinquentenário presta um tributo ao exemplo de Marechal Rondon

A quatro dias de seu encerramento, a Operação Rondônia Cinquentenário já pode ser considerada histórica para o Projeto Rondon. E nem poderia ser diferente, já que o estado de Rondônia possui um significado especial para o Projeto Rondon. Após a abertura comemorativa aos 50 anos da Operação Zero, com descerramento da placa no Memorial Rondon e uma homenagem especial da Esquadrilha da Fumaça que pintou o nome do projeto nos céus de Porto Velho, o trabalho nos 15 municípios contemplados pela operação tem sido um sucesso.

As atividades voltadas principalmente aos multiplicadores, como professores, agentes de saúde e gestores, estão conseguindo alcançar milhares de pessoas. Os 300 rondonistas das 30 Instituições de Ensino Superior (IES) participantes vem desenvolvendo oficinas junto às comunidades quilombolas, comunidades indígenas, população rural, além de escolas e prefeituras. As comunidades ribeirinhas do Baixo Madeira também foram contempladas com a ação fluvial, viabilizada em parceria com a Marinha do Brasil. O foco do trabalho nos municípios foi definido ainda na fase pré-operação, a partir de um diagnóstico elaborado por cada IES. Assim, enquanto em alguns municípios foi trabalhada a formação continuada dos professores, em outros foi dado ênfase a sustentabilidade, com oficinas de reciclagem de resíduos e produção de alimentos. As oficinas ainda abordaram orientações sobre saneamento, cidadania, combate de doenças e conscientização ambiental.

O projeto Rondon também é marcado pela troca de culturas. A Operação Cinquentenário, por exemplo, envolve universitários de nove unidades federativas que deixam um pouco da sua cultura junto às comunidades e levam a cultura local para suas cidades. Para o Ministro da Defesa Raul Jungmann, que esteve na abertura da Operação, o Projeto Rondon é uma ponte, “que liga dois Brasis, o dos brasileiros que precisam de uma mão amiga para se desenvolver e o dos brasileiros das grandes cidades, que, através desta vivência, conseguem compreender a dimensão da solidariedade”. Grande parte da Operação nos 15 municípios está sendo acompanhada de perto pelo governo de Rondônia, com visitas do vice-governador Daniel Pereira aos locais de realização das oficinas.

A Operação Rondônia Cinquentenário segue até sábado, quando todos os rondonistas retornam para Porto Velho, onde acontece a cerimônia de encerramento no Palácio das Artes. Após, no domingo, as equipes seguem para os seus estados de origem em aviões da Força Aérea Brasilieira. Na bagagem, vivências inesquecíveis de solidariedade, superação e amor.

Fonte: Com Soc UPF

Compartilhe Imprimir

RONDON

Ministério da Defesa - Esplanada dos Ministérios
Bloco Q - Cep: 70.049-900 - Brasília/DF

Fale Conosco

MINISTÉRIO DA DEFESA